segunda-feira, 25 de janeiro de 2010


O Conhecimento que Prescisamos!
Postado por Onésimo Mesquita

O conhecimento de Deus não está posto em fria
especulação, mas lhe traz consigo o culto".


- As Institutas, I.12.1

11 comentários:

Priscilla Mesquita disse...

Quanto mais conhecemos o que Deus quer que conheçamos DEle, mas Ele transforma nosso interior, a medida do seu propósito na nossa vida,vejo isso em você meu irmão, Deus te enchendo de conhecimento DEle para que a tua vida cumpra o propósito que Ele preparou pra Sua Glória...que o Deus de Abraão, Isac, Jacó e agora Onésimo te abençoe.

Priscilla Mesquita disse...

Quanto mais conhecemos o que Deus quer que conheçamos DEle, mas Ele transforma nosso interior, a medida do seu propósito na nossa vida,vejo isso em você meu irmão, Deus te enchendo de conhecimento DEle para que a tua vida cumpra o propósito que Ele preparou pra Sua Glória...que o Deus de Abraão, Isac, Jacó e agora Onésimo te abençoe.

Damares disse...

Que bom que voltou a postar. Texto "profundãozão" esse, heim.
Deus abençoe, Reverendo.

Apologia e Espiritualidade disse...

Oche! ja estava mesmona hora de começar a postar e quero nesse ano fazer mais ainda.

valeu pelas palavras!
Priscila e Dan mulheres que sabem o sentido do verdadeiro culto a Deus!

Em Cristo,
Onésimo Mesquita

Anônimo disse...

vaso parabéns! como mesmo calvino dizia que há uma grande diferencia em (conhecer sobre Deus) e o conhecer a Deus. precisamos é conhecer o nosso Deus mais e mais

A. Ronys

Anônimo disse...

vaso parabéns! como mesmo calvino dizia que há uma grande diferencia em (conhecer sobre Deus) e o conhecer a Deus. precisamos é conhecer o nosso Deus mais e mais

A. Ronys

Ir. Sandro disse...

Como conhecer a Deus se ele não se fizer conhecido? Acharemos tal certame em livros? A Bíblia seria o suficiente? Mas tenho por certo que o Espírito opera na simplicidade e singeleza do amor a incondicional a Jesus Cristo.
"Ala Pentecostal".
Ir. Sandro.
Essa é para você querido Onésimus.

Apologia e Espiritualidade disse...

Grande Sandrus!
Obrigado pelo comentário, que revela seu amor pela Pessoa do Espírito de Deus. Quero adicionar que para João Calvino o operar do Espírito de Deus não é separado das escrituras, pois se assim o fosse, cairíamos em dois extremos. De um lado de sermos formalistas e o outro de sermos fanáticos visionários.

No Senhor,

Onésimo Mesquita

Anônimo disse...

frase interessantissima!!!
e tive um momento entao de reflexao.
Ao observar os crentes reunidos, nota-se um certo enfado, como se fosse as duas ultimas horas de sua longa jornada de trabalho, e a chegada do momento da mensagem é mais preocupante ainda, pois observo um certo tipo de alivio-nao porque é o momento de Deus falar- mais porque se aproxima a hora do termino, e ja que a participaçao nos louvores foi concluida so resta mesmo aguardar todo aqule falatoriuo e ir pra casa.
Entao surge a pergunta e agora pra vc Caro Onesimoo q de fato esta acontecendo? sera que foi perdido algo durante o caminho? se sim o que?


Com Carinho

Anônimo disse...

talves falta apregção do evangelho em toda sua totalidade?

e ai "nobre" Onesimo?

Joabe disse...

Onésimo, a paz do SENHOR.

Frase interessante e inspiradora!

Gostei também da resposta nos comentários à tentativa de defender um subjetivismo infantil. Verdadeiros cristãos devem saber equilibrar erudição e zelo.

Em Cristo,

Joabe